O cristão e a vida universitária

 

Como muitos sabem, a vida universitária tem vários obstáculos, sobretudo se você é um cristão. Há uma linha tênue experimentada pela maioria dos jovens entre a liberdade e a libertinagem ofertada pelo mundo e aí vemos um perigo. Nós devemos ser luz onde passarmos e na faculdade não deve ser diferente.

 Eu não venho dizer sobre perfeição, mas acredito que a integridade e sua busca muito dizem sobre um cristão. Principalmente ao mundo.

 

 Porque a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens. Ela nos ensina a renunciar à impiedade e às paixões mundanas e a viver de maneira sensata, justa e piedosa nesta era presente
Tito 2:11‭-‬12

 

No mundo acadêmico teremos muitos desafios, desde ser honesto a evitar conversas, situações e lugares impróprios. Além disso, enfrentaremos desafios tais como o de defender nossa fé. Não será incomum ver incrédulos e ateus, desde os mais céticos e distantes da religião até os mais ferrenhos que atacam o cristianismo. Ainda assim, eu creio que a melhor forma de defender o evangelho não é falar, mas viver. Se você diz teorias, teses e argumenta muito bem, isso de nada vale no cristianismo se você ignora a prática disso tudo. O mundo espera ver em nós o exemplo que nós mesmos queremos ver em Cristo. Até como já é o nome, a palavra cristão quer dizer algo como pequeno cristo.

 

[Os fariseus] Enviaram-lhe seus discípulos junto com os herodianos, que lhe disseram: “Mestre, sabemos que és íntegro e que ensinas o caminho de Deus conforme a verdade. Tu não te deixas influenciar por ninguém, porque não te prendes à aparência dos homens.
(Mateus, 22.16)

 

Jesus era um exemplo de integridade e firmeza. Não se deixava levar por outros e seguia a verdade. Assim devemos também ser. A fé não é meramente cega e infantil, ela é sensata e verdadeira e deve ser demonstrada num coração adorador – e adorar se refere a render sua vida.

 

Os sacrifícios que agradam a Deus são um espírito quebrantado; um coração quebrantado e contrito, ó Deus, não desprezarás.
(Salmos, 51.17)

 

Lembre-se do seu Criador nos dias da sua juventude, antes que venham os dias difíceis e se aproximem os anos em que você dirá: “Não tenho satisfação neles”;
(Eclesiastes, 12.17)

 

É através do que cultivamos hoje que nasce nosso futuro. Seja arrependimento ou uma estagnação, vale mais apena se esforçar hoje pra ter uma boa colheita que esperar os frutos secos ficarem bons. Aproveite sua vida acadêmica pra testemunhar e viver Jesus – e como diz minha amiga “O conselho ajuda, mas o exemplo arrasta”.

 

Fiquem com Deus, irmãos! Até um próximo texto!

Por | 2018-03-20T08:12:49+00:00 quarta-feira, 14 de Março de 2018|Cristianismo, Vida Cristã, vitrine|0 Comentários

Sobre o Autor:

Paulista, estudante e aprendiz (do que o Senhor quiser me ensinar). Sempre fui apaixonada por escrever e isso se intensificou ~ministerialmente~ após minha conversão. Cá estou vivendo por aquele que por mim morreu, esperando o dia que nos encontraremos <3 Pra me achar, tô por aí: projetopuritanas.com fatorteen.wordpress.com @mvieiracamilla (insta) "Tudo o que fizerem, seja em palavra ou em ação, façam-no em nome do Senhor Jesus, dando por meio dele graças a Deus Pai." (Cl. 3.17)

SOBRE NÓS

O ministério Não Morda a Maçã está há 9 anos a serviço do Reino para inspirar adolescentes e jovens a conhecer Jesus através da leitura e revelação da palavra de Deus. Continue lendo

SE INSCREVA EM NOSSO CANAL